Lei Da Neutralidade Da Rede Perde Validade Nos Estados

27 Nov 2018 05:45
Tags

Back to list of posts

img00.jpg

<h1>Br&aacute;ulio Bessa Escolhe Poema Pros Leitores Do DIA O Dia</h1>

<p>Um certificado digital do Banco Inter, acompanhado da respectiva chave privada, foi publicado em um site pela internet e posteriormente revogado, segundo apura&ccedil;&atilde;o do blog Seguran&ccedil;a Digital. Em comunicado ao web site Seguran&ccedil;a Digital, o Banco Inter ratificou que &quot;n&atilde;o houve comprometimento da sua infraestrutura de seguran&ccedil;a&quot; e n&atilde;o alegou o vazamento e a revoga&ccedil;&atilde;o das chaves.</p>

<p>Al&eacute;m do certificado vazado encontrado pelo site, pelo menos outros dois certificados digitais do banco (um de 13 de abril de 2018 e outro de vince e seis de mar&ccedil;o de 2018) foram revogados. Dados no website da Comodo: certificado do Banco Inter de 18 de agosto foi revogado com fundamento de 'chave comprometida' (keyCompromise). A norma de certifica&ccedil;&atilde;o digital na web institui onze poss&iacute;veis raz&otilde;es (numeradas de 0 a 10) para a revoga&ccedil;&atilde;o de um certificado.</p>

<p>A causa de &quot;chave comprometida&quot; (n&ordm; 1), que consta pra revoga&ccedil;&atilde;o dos certificados do Banco Inter, &eacute; a mais espec&iacute;fica sobre o assunto uma chave vazada, excluindo a probabilidade de outros problemas t&eacute;cnicos ou falhas nas corpora&ccedil;&otilde;es que concedem os certificados. Os certificados revogados s&atilde;o de duas corpora&ccedil;&otilde;es diferentes: GoDaddy e DigiCert. A autenticidade de um dos certificados, ao qual o site Seguran&ccedil;a Digital teve acesso, foi verificada por interm&eacute;dio de uma posse matem&aacute;tica que podes ser conferida com registros p&uacute;blicos, sem a indispensabilidade de testes on-line. Olhe por aqui o certificado do Banco Inter no blog da Comodo.</p>

<p>O web site principal do Banco Inter usa um certificado diferente dos que foram revogados, emitido em vinte e nove de abril na DigiCert. Todavia, se os certificados antigos estivessem v&aacute;lidos, golpistas poderiam elaborar web sites clonados do Banco Inter caso pudessem redirecionar o acesso ao banco. Um caso, tendo como exemplo, seria o de redes Wi-Fi abertas. Essas redes s&atilde;o vulner&aacute;veis a ataques de redirecionamento, mas, caso criminosos tentem redirecionar um web site de um banco numa rede Wi-Fi aberta, o correntista receber&aacute; um alerta de seguran&ccedil;a citando que o certificado do blog n&atilde;o p&ocirc;de ser verificado. Mas, como o certificado do Banco Inter vazou, &eacute; poss&iacute;vel elaborar uma p&aacute;gina clonada perfeita, utilizando o certificado legal do respectivo banco.</p>

<p>E voc&ecirc; vai falar e percebe que &eacute; em raz&atilde;o de ela tem medo, ela j&aacute; foi enrolada por um programador, ela n&atilde;o se sente confort&aacute;vel de dizer este desconhecimento. &Eacute; muito demente como isto influencia demais a porcentagem de mulheres empreendendo com tecnologia. &Eacute; diretamente proporcional. O evento de eu n&atilde;o ter mulheres que programam, que criam, faz com que mulheres n&atilde;o consigam empreender nesta &aacute;rea.</p>
<ul>
<li>Let’S veste: Ackon Wear</li>
<li>8- Cite uma Blogueira iniciante que voc&ecirc; esta acompanhando</li>
<li>2 Arquivando focos da PDU</li>
<li>Apostar nos “gadgets”</li>
<li>Lucivanio santos 19/06/2015 em 6:07 pm</li>
</ul>

<p>Meu conselho sempre &eacute;: primeiro voc&ecirc; tem que perder o p&acirc;nico. Se manchou uma coisa em moradia a gente se sente t&atilde;o respons&aacute;vel, a gente a todo o momento oferece o nosso jeito. E a&iacute; quando o conte&uacute;do &eacute; tecnologia n&atilde;o, a mulher neste instante diz: ‘ah, contudo eu n&atilde;o sou de tecnologia’. Pera&iacute;, voc&ecirc; mexe no seu ceular como ningu&eacute;m, manda e-mail, troca mensagem com as suas amigas, quem citou que voc&ecirc; n&atilde;o &eacute; de tecnologia? Por que est&aacute; deixando que a na&ccedil;&atilde;o te imponha esse papel se voc&ecirc; nem tentou?</p>

<p>A gente ainda tem um pavor muito extenso de se envolver porque estere&oacute;tipo. Ainda localiza que quem faz tecnologia &eacute; o cara geek que come&ccedil;ou com 5 anos e, putz, j&aacute; n&atilde;o d&aacute; mais para mim, eu n&atilde;o sou um Mark Zuckerberg, ferrou, n&atilde;o possuo mais oportunidade. Pra mim a primeira dica &eacute; perder o temor.</p>

<p>Digitando no Google, ca&ccedil;ado um monte de link, fazendo errado, fazendo certo, conversando , um curso nesse lugar, outro l&aacute;. Em sua exist&ecirc;ncia como empreendedora de tecnologia que problemas voc&ecirc; encontra por ser mulher? Acho que &eacute; um lance de voc&ecirc; prosseguir vendo em redor e n&atilde;o se reconhecer no volume.</p>

Comments: 0

Add a New Comment

Unless otherwise stated, the content of this page is licensed under Creative Commons Attribution-ShareAlike 3.0 License